Poderosa Oração Sobre os Inimigos

Meu querido Jesus abençoa (nome e sobrenome) com todas as bênçãos espirituais, emocionais e materiais que emanam de tuas mãos. Por favor, mostra-lhe a abundância da tua salvação, do teu perdão, da tua graça, da tua misericórdia, da tua bondade e da tua longanimidade. Eu perdoo (nome e sobrenome) de forma completa, ampla, total e irrestrita. E eu peço ao Senhor que ele(a) seja a pessoa mais feliz da terra, cumulada com saúde, paz, justiça e alegria do Espírito Santo; que os seus caminhos sejam iluminados; que o trabalho de suas mãos seja próspero; que a cada momento ele(a) desfrute de proteção para o seu espírito, e alma, e corpo; e, que ele(a) viva dia e noite em um clima de bem-estar e de felicidade. Assim, em teu santo nome eu abençoo (nome e sobrenome). Oh meu querido Jesus, desde agora e para sempre eu te agradeço por esta graça alcançada. Amém.

Como fazer esta oração:

Memorize esta oração e a pronuncie sete vezes por dia, do levantar, ao deitar. E, caso acorde durante a noite, volte a repeti-la em cada oportunidade. Faça isso por sete dias seguidos. Descanse os próximos sete e recomece por mais sete dias. Faça esta oração até que a pessoa se torne visivelmente abençoada.

Enquanto você não conseguir memorizar esta oração, escreva-a em um papel ou no bloco de notas de seu celular. Vá anotando com um “x” cada oração feita desde o primeiro dia para não falhar em nenhum dia. Caso se esqueça de orar sete vezes ao dia do levantar ao se deitar, recomece a oração no dia seguinte para os próximos sete dias.

Por que fazer esta oração:

Jesus Cristo estabeleceu dois paradigmas relativos ao trato com aqueles que nos fazem mal. O primeiro, diz respeito às palavras de nosso Mestre em Mateus 5:44. Ele disse: “Eu, porém, vos digo: Amai vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus”. O segundo se refere a liberar o perdão, aos que estão arrependidos ou não, inclusive aos que continuam a nos ferir. Em seu diálogo com São Pedro, quando este perguntou: “Senhor, quantas vezes deverei perdoar a meu irmão quando ele pecar contra mim? Até sete vezes? Jesus respondeu: eu digo a você: não até sete, mas até setenta vezes sete” (Mateus, 18:21-22). É um perdoar sem limites.

Obviamente, fazer essa oração não significa o esquecimento imediato do dano outrora causado ou em ação (há pessoas que persistem em nos causar danos de forma continuada ao longo do tempo), porque somos seres humanos e sentimos as dores das ofensas. Porém, ao fazer essa oração, ela produzirá dois efeitos imediatos. O primeiro é a ação libertadora em seu interior. do ódio e do desejo de vingança. Então, seu coração estará protegido daquilo que poderia enferma-lo e você passará a sentir uma paz indescritível. O segundo é que por você estar orando segundo a expressa vontade do Senhor Jesus (como revelada em Seu Evangelho), a sua oração será por ele atendida e essa pessoa será grandemente abençoada.

E o que eu ganho com isso?

Além dos benefícios acima mencionados, nosso Senhor Jesus deixou claro que ao renunciar-se a si mesmo e se dedicar a orar, e bendizer, e fazer o bem aos seus inimigos, você vai potencializar o poder de Filho de vosso Pai que está nos céus. Vamos ser inteligentes? Deixe-nos saber que você vai fazer esta oração. Clique no botão abaixo.

Pessoas orando.

Deixe-nos saber sobre os resultados de suas oraçãoes. Clique no botão abaixo.

TESTEMUNHAR GRAÇA ALCANÇADA

Pastor Flauzilino Araújo dos Santos
E-mail: flauzilino@assembleia.org.br
Instagram: @flauzilino

Graças Alcançadas

Testemunhos de pessoas que realizaram as orações e já obtiveram resposta.